Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Ferramentas Pessoais

Navegação

Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Votos de Congratulações à Diocese de Erexim

Votos de Congratulações à Diocese de Erexim

        Em 1926, visitava o município de Erechim o então Bispo de Santa Maria, Dom Eusébio da Rocha. Depois da cerimônia oficial de acolhida, fez sua previsão: Boa Vista, terra de venturas! Estou vendo o teu futuro, grande cidade, importante bispado. A possibilidade parecia bastante remota.

         Em 1967, no clima de renovação conciliar, a ideia ganhou vigoroso impulso. Padre Atalibo Lise desencadeou alguns encaminhamentos. Em 12 de outubro de 1968, houve uma reunião com Atalibo e a diretoria da Paróquia São José, com Dom Cláudio Colling para falar sobre o processo de criação da futura Diocese.

         Em 19 de maio de 1969, na Câmara Municipal, Dom Cláudio deu solenemente posse à Comissão pró-Diocese, tendo a frente o padre Lise. Exortou a todos a providenciar casa, local de secretaria e outros aspectos da infra-estrutura.

         Em 1971, foi divulgado o Decreto Cum Christus, do Papa Paulo VI, que criava três Dioceses no Rio Grande do Sul (Erechim, Cruz Alta e Rio Grande). Na oportunidade, o Papa nomeia o primeiro Bispo da Diocese – Dom João Aloysio Hoffmann.

         Diocese foi solenemente instalada com o início do Ministério Episcopal de seu primeiro bispo, no dia primeiro de agosto de 1971. Diocese iniciou em seu Centro Administrativo e Pastoral e sem residência própria para o Bispo. Em 1972, foi adquirida a casa do Bispo e, em agosto de 1976 foi inaugurado o Centro Diocesano.

         A Diocese é uma das instituidoras da Fundação Alto Uruguai para a Pesquisa e o Ensino Superior, hoje cedida em comodato à FURI, mantenedora da Universidade Regional Integrada. Tem e teve presença em obras sociais, como o Patronato São José, o Lar da Criança, criado a partir da Campanha da Fraternidade de 1976. Recentemente foi adquirido um terreno com construção, nas proximidades da Escola Branca para ser o Centro de Recuperação de Dependentes de álcool. Diversas Paróquias mantém obras sociais.

         Lucas destaca que é importante registrar o atendimento da Diocese a algumas solicitações de ajuda de cunho missionário. Atualmente conta com o padre Marcos Oliveira Pereira em missão em Roraima/PR.

         “Entre as possíveis perspectivas de ação da Igreja, no mesmo evento, foram apontadas: ajudar as pessoas a ter como centro de vida a palavra de Deus e a Eucaristia, fortalecer a família e a santidade do matrimônio, promover a dignidade da vida e o respeito a ela desde sua concepção até o seu natural declínio, cuidar mais da iniciação na fé por parte da família, valorizar as organizações populares, sociais e culturais, denunciar a corrupção e a falta de ética, investir mais na formação, promover o diálogo com as outras igrejas, com os grupos religiosos, com a ciência e com a sociedade. Fortalecer a solidariedade, dialogar com a juventude em suas diversas formas, retornar a experiência de Deus no testemunho da vida, na defesa dos pobres e excluídos e no respeito à vida da natureza”, finaliza.