Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Ferramentas Pessoais

Navegação

Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Vereadores recebem mobilização da UFFS que reivindica melhorias após acidente no trevo de acesso

Vereadores recebem mobilização da UFFS que reivindica melhorias após acidente no trevo de acesso

          Presidente do Poder Legislativo, vereador Fernando Barp, juntamente com todos os demais vereadores da Casa, recebeu na noite da última segunda, antes da Sessão Ordinária no Plenário da Casa, estudantes, professores e funcionários da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) que, após acidente com ônibus no trevo de acesso daquela instituição, junto a RS 135, buscam voz para as reivindicações, que são melhorias urgentes naquele local.

          Com as aulas suspensas por tempo indeterminado desde o acidente da última sexta, no qual resultou em vários feridos, tendo ainda cinco internados junto a Fundação Hospitalar Santa Terezinha, Movimento  tem mantido diversos encontros para debater o tema de extrema urgência, visto que as aulas só serão retomadas após problema ser solucionado, como temem pela sua segurança se não houver as melhorias necessárias.  

         Com mais de 100 integrantes, com cartazes e tambores, colocaram a sua posição com relação ao fato, como pontuaram a necessidade da participação dos Poderes Públicos para que suas vozes sejam ouvidas e as reivindicações atendidas pelo Governo do Estado, EGR (Empresa Gaúcha de Rodovias) e Poderes Públicos locais. No uso da palavra, o professor Dr. Douglas Santos Alves do Curso de Licenciatura em Ciências Sociais.

         Na oportunidade os vereadores Ernani Mello, Eni Scandolara, Luiz de Brito e Leandro Basso destacaram as ações que já haviam sido tomadas com relação a periculosidade que o trevo já apresentava antes do início das aulas, com cerca de 11 acidentes antes da última sexta, que teve um triste desfecho. Lembraram a realização da audiência pública onde já levantavam o perigo que o trevo se apresentava para toda a comunidade, em especial aos estudantes, funcionários e professores da instituição. “Uma tragédia anunciada”, pontuaram.

         Brito e Ernani também repassaram que nesta semana estarão na capital do Estado em audiência com o vice governador do Estado, com o Secretário Estadual de Obras, como a Direção da EGR, oportunidade em que estarão tratando sobre o tema e irão apresentar uma proposta “croqui” sugestão da melhoria que pode ser feita para evitar possíveis novos acidentes. “Estamos preocupados e vamos buscar na capital os caminhos para solucionar este problema”.

         Também se manifestou o vereador Zé da Cruz, oportunidade em que pontuou as diversas ações levantadas pela Administração Municipal, desde 2014, onde cobrava da EGR as melhorias no trevo para que as aulas  iniciassem com tranquilidade, visto que acidentes já pontuavam um problema visível que poderia ser evitado.

         Fernando Barp colocou a Casa à disposição do Movimento na busca de soluções, para que sentados numa mesa conjunta, autoridades locais, estaduais, estudantes, professores, funcionários e direção da Universidade busquem os caminhos necessários para solucionar este problema. “A Câmara Municipal, através de todos os seus vereadores está de portas abertas para que possamos, em conjunto, traçar ações urgentes e práticas para termos um trevo de qualidade junto a UFFS. A universidade possui uma grande importância local e regional, visto a quantidade de alunos que já estão matriculados e, para tanto, temos que ter respostas e ações na mesma grandeza”.

          Ofício que será entregue na capital, em nome de todos os vereadores, Poder Legislativo solicita à EGR que seja feita a alteração da entrada da Universidade Federal da Fronteira Sul, utilizando o primeiro acesso sentido Erechim/Getúlio Vargas e só na saída utilize o trevo sentido Getúlio Vargas/Erechim.

         “Fizemos este pedido em vista de que entrando pelo primeiro acesso sentido Erechim/Getúlio Vargas, estaríamos evitando acidente igual ao que ocorreu no dia 27. Solicitamos que esse pedido seja aprovado nem que de forma provisória até que sejam tomadas medidas cabíveis de melhorias no trevo, sendo que o mesmo é utilizado por veículos, caminhões e ônibus, principalmente escolares”.