Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Ferramentas Pessoais

Navegação

Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Vereadora Sandra Picoli encaminha moção de apoio a projeto que busca viabilizar espaços de acolhimento para mulheres vítimas de violência

Vereadora Sandra Picoli encaminha moção de apoio a projeto que busca viabilizar espaços de acolhimento para mulheres vítimas de violência

Na última sessão ordinária do Poder Legislativo erechinense, foi aprovada a moção de autoria da vereadora Sandra Picoli (PCdoB), em apoio ao projeto que tramita na Assembleia Legislativa do estado sobre a obrigatoriedade de disponibilização de espaços de acolhimento e abrigo emergencial às mulheres e respectivos dependentes vítimas de violência doméstica durante o período da pandemia de covid-19. O projeto é do deputado estadual Jeferson Fernandes (PT).

De acordo com a parlamentar, é de suma importância o apoio ao projeto em questão, uma vez que os casos de violência contra mulher e feminicídios vêm tendo um preocupante aumento ao longo da pandemia. Segundo dados do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul e do Observatório da Mulher, em 2020 foram registrados 54.664 casos de violência doméstica, além de 78 feminicídios consumados e 323 tentativas. Nos três primeiros meses de 2021, 14 mulheres já foram mortas. “As mulheres têm o direito de serem afastadas dos agressores e abrigadas em um local protegido e seguro para sua estadia e de seus dependentes”, afirma.

Luta pela casa abrigo – Desde a legislatura anterior, Sandra tem lutado, juntamente com entidades, coletivos e os poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, pela viabilização da casa abrigo regional para mulheres vítimas de violência. A vereadora acredita que a aprovação do projeto do deputado Jeferson Fernandes poderá agilizar o processo. “O estado conta com apenas 14 casas para esta finalidade, e o Alto Uruguai tem se mobilizado por um espaço de acolhimento há alguns anos. O projeto em questão pode favorecer a concretização da casa abrigo em nossa região”, ressalta.

registrado em: