Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Ferramentas Pessoais

Navegação

Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Lucas Farina é eleito presidente da Casa para o ano de 2016

Lucas Farina é eleito presidente da Casa para o ano de 2016

Com o Plenário da Câmara Municipal lotado na noite desta segunda, 14, o Poder Legislativo de Erechim elegeu a nova Mesa Diretora que estará no comando dos trabalhos da Casa durante a Sessão Legislativa de 2016.

 Lucas Farina (PT), que renunciou a presidência em 2013 quando assumiu o cargo de prefeito municipal e foi impedido em 2014 devido ao fato de ter sido eleito no ano anterior, momento em que houve nova eleição e assumiu o vereador Serginho (PT), assumirá o Poder Legislativo no último ano da atual Legislatura, tendo como vice a vereadora Clarice Moraes (PMDB), Primeira Secretária a vereadora Vânia Miola (PPS) e Segundo Secretário o vereador Fernando Barp (PC do B), atual presidente. 

Lucas Farina está em seu primeiro mandato como vereador titular, e é o atual líder do Governo na Câmara Municipal. Clarice Moraes é suplente em exercício e assumiu desde o início da atual administração.  

Vânia Miola está em seu terceiro mandato junto a Casa e já foi presidente do Legislativo no ano de 2012, como também sempre fez parte da Mesa. Fernando Barp, em seu primeiro mandato na Casa, além de ser o atual presidente também sempre esteve na Mesa. Chapa logrou vitória com 11 votos.

Novamente neste ano, o vereador Marcos Lando (PDT) colocou seu nome e concorreu a presidência da Casa pela oposição, tendo como vice o vereador Claudemir de Araújo (PTB), Primeiro Secretário o vereador Leandro Basso (PC do B) e Segundo Secretário o vereador Luiz de Brito (PSD). Chapa alcançou 06 votos.

Antes da votação, Marcos Lando pediu a palavra, momento em que anunciou que estará entrando, via judicial, para pedir o anulamento da eleição. A polêmica envolve a vereadora Clarice Moraes, eleita vice presidente da Mesa devido ao fato de ser suplente em exercício, e não vereadora titular para concorrer a um cargo. Ernani Mello, acompanhando Marcos Lando, destacou que, se fosse mantida a atual chapa, o Legislativo deverá realizar outra eleição para vice, quando do retorno de Marmentini em abril de 2016.

O presidente determinou a leitura do Parecer do Consultor Jurídico do Poder Legislativo e do Parecer da DPM que opinaram pela participação da vereadora Clarice no pleito por não haver qualquer vedação na Lei Orgânica e no Regimento Interno. 

Os atos de posse irão ocorrer no próximo dia 30 deste mês, a partir das 19h junto ao Plenário da Casa, momento em que o atual presidente e demais membros da Mesa Diretora passarão os trabalhos para a Mesa que assume no primeiro dia de 2016.